fbpx

o que podemos aprender com a nova atualização?


Demorou, mas o Google finalmente oficializou a atualização de seu algoritmo principal: o Core Update. O objetivo do Google com essa atualização principal é de otimizar ainda mais os resultados de busca para seus usuários.

Já vínhamos falando sobre isso há algum tempo, prevendo uma possível oficialização de mais uma atualização. Nos últimos meses, profissionais de SEO dividiram preocupações em relação a quedas de posições na SERP, o que afetava diretamente o tráfego de sites ao redor do mundo.

A atualização de agosto de 2023 continua em execução, e deve levar em torno de 2 semanas no total para ser finalizada. 

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Como a nova atualização do Core Update afetou a Rock Content?

Desde Abril, estivemos observando uma alta volatilidade na SERP do Google. A empresa fez diversas atualizações menores em meio à atualização de seu algoritmo principal, como o endpoint de ping de sitemaps desativado, sobre títulos e nomes de sites, e nas perguntas frequentes que estávamos acostumados a observar durante as buscas.

Aqui na Rock não foi diferente. Em ambos os nossos blogs, por exemplo, pudemos ver altos índices dessa volatilidade que estavam afetando o nosso tráfego. Veja o que aconteceu conosco em relação a outros sites da mesma categoria em julho:

Gráfico de volatilidade da SERP em julho de 2023 mostrando altos índices de mudanças.

No entanto, se não fosse o nosso “plano de contingência”, certamente os resultados seriam piores do que foram. E como fizemos isso? Escutando o próprio Google! 

Desde a primeira atualização deste ano, da metade para o final de março, foi notável uma alteração muito grande nas SERPs. Essa movimentação começou a afetar os sites com ainda mais intensidade a partir de abril de 2023, junto com a atualização de reviews também em abril.

Com isso, tínhamos o desafio de verificar alguns pontos importantes: verificar a qualidade das informações de nossos artigos e verificar o quão útil estavam sendo as informações.

A partir daí, iniciamos uma força-tarefa de atualização de conteúdos antigos, com informações defasadas, que poderiam estar entregando uma experiência negativa ao usuário.

Interpretando quedas e melhorias após um Core Update

É importante frisar para os profissionais de SEO e de conteúdo, principalmente: O Google esclarece que se for observada uma queda no desempenho do seu site após uma atualização principal, isso não necessariamente indica um problema com o conteúdo ou estrutura do seu site.

As quedas que observamos, podem de fat estar relacionadas aos ajustes feitos pela atualização principal do algoritmo. Porém, lembre-se também que é necessário focar na qualidade do seu site acima de qualquer coisa, pensando em primeiro lugar, na experiência do usuário. Afinal, o Core Update se trata justamente disso!

Sabíamos que seria um desafio e que os resultados não viriam rápido. Não podemos buscar soluções instantâneas e muito menos desesperadas nesses momentos. São mudanças que não sabemos exatamente quais páginas irão afetar! 

É necessário estar sempre se atualizando e buscando melhorias contínuas nos conteúdos e páginas do site.

Como fazer para se recuperar da atualização?

Como falamos, além de atualizar conteúdos mais antigos, é importante pensar em outros pontos, que o próprio Google nos orienta:

  • Veja quais foram as páginas que não apresentam bom desempenho;
  • Verifique quais palavras-chave levaram as pessoas a essas páginas;
  • Planeje, após isso, otimizar essas páginas com conteúdos melhores.

Outra dica, é comparar seu conteúdo com as perguntas que o Google fornece em sua página sobre atualizações do Core Update

Você poderá analisar onde os seus conteúdos podem estar falhando em entregar boas experiências para seus usuários. Assim, fica mais fácil priorizar a melhoria contínua do seu conteúdo e, ao mesmo tempo, atender aos requisitos de um conteúdo relevante que merece a primeira página nos buscadores.

É certeza que com isso você alcançará sempre os primeiros lugares? Não.

Nunca é garantido que essas melhorias ajudem na recuperação das posições na SERP ou que suas páginas nunca mudarão de posição. No entando, seguir as orientações do Google é com certeza um caminho mais acertado do que tentar corrigir seu conteúdo às cegas.

Como se preparar para as atualizações do algoritmo do Google?

Consultar o próprio Google sobre as atualizações para SEO é o ponto mais importante. Infelizmente existe uma cultura no meio SEO onde a maioria dos profissionais não consulta a fonte principal sobre essas mudanças!

Se preparar para essas atualizações deve ser antes e depois! Esperar para que o Google lance oficialmente um algoritmo para só depois entender o que você deve fazer é perda de tempo e, com certeza, pode prejudicar muito o seu site.

Se atente a todas as atualizações, mesmo as menores, acompanhe a volatilidade da SERP e siga os perfis oficiais do Google que falam sobre isso, como o Google Search Central, por exemplo. Veja também, sempre que tiver dúvidas, como criar conteúdos que sejam úteis de verdade para o seu público.

Coloque esses links nos seus favoritos, salve em um local visível e lembre-se de checar sempre que precisar.

Se seu negócio é pequeno, ou você tem uma agência que não consegue cobrir, por exemplo, uma produção maior de conteúdos, lembre-se que você pode testar o WriterAccess gratuitamente por 14 dias, tendo acesso aos melhores freelancers de conteúdo de inúmeros lugares do mundo.

Quer continuar atualizado com as melhores práticas de Marketing? Então se inscreva na The Beat, a newsletter interativa da Rock Content. Lá, você encontrará todas as tendências que importam no cenário do Marketing Digital. Vejo você lá!





Source link

Não há Tags

101 visualizações, 1 hoje

  

101 visualizações, 1 hoje