fbpx

se destaque na carreira e tenha mais clientes


Search Engine Optimization ou SEO é uma das mais importantes estratégias do marketing digital. Esse conjunto de boas práticas de otimização para motores de busca permite que a marca alcance bom posicionamento orgânico nos ambientes digitais. Técnicas de SEO para advogados, portanto, podem ser determinantes para atribuir destaque ao profissional no mercado. 

Mas, afinal, como essa estratégia se aplica especificamente para advogados e quais são as limitações éticas no campo do Direito? Acompanhe o conteúdo e descubra tudo o que você precisa saber sobre SEO no marketing jurídico!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

O que é SEO para advogados?

A criação de conteúdos relevantes por meio de blogs e sites é uma das maneiras mais eficazes de aumentar a carteira de clientes na advocacia, sem ferir o Código de Ética e Disciplina da OAB. Nesse sentido, o SEO entra como um conjunto de estratégias e técnicas capazes de ranquear conteúdos para as primeiras posições nos motores de busca.

Imagine que você faz parte de um escritório de advocacia especializado em Direito de Sucessões. Certamente, o seu negócio pode estar interessado em criar pontos de contato com usuários que buscam sobre “como fazer inventário” ou “advogados para inventário”.

Por outro lado, apenas produzir artigos interessantes sobre o tema não é suficiente para ser encontrado em ferramentas como Google. Uma série de fatores podem interferir no posicionamento do seu site, como veremos melhor adiante.

Por que o SEO é crucial para advogados?

Não só para advogados, mas qualquer profissional que deseja colocar em destaque um produto ou serviço, o SEO é fundamental.

Por meio dele, é possível se tornar relevante entre o público-alvo correspondente à sua oferta, construir autoridade e fechar novos contratos. Em um setor tão competitivo quanto o jurídico, se posicionar no topo em ferramentas como Google permite atrair de forma orgânica novos clientes e alcançar as metas de crescimento do seu escritório.

São as técnicas de SEO que permitirão que o seu serviço seja colocado à disposição do cliente, no momento certo e da forma mais adequada. A ideia é que o seu site funcione como um ímã, que não depende da busca ativa dos profissionais para conseguir novas oportunidades todos os dias.

SEO na prática: como criar conteúdo relevante e valioso?

Agora que você já sabe o que é e qual a importância do SEO para advogados, confira algumas dicas práticas para posicionar o seu site nos motores de busca!

Pesquise e planeje as melhores palavras-chave 

Uma das estratégias mais importantes de SEO para área jurídica é a escolha de palavras-chave relevantes. Em ferramentas como Google Keyword Planner, você pode verificar quais são os termos com maior volume de buscas mensais relacionados à sua área de atuação.

Da mesma forma, ferramentas como SemRush permitem visualizar o nível de concorrência e perceber a dificuldade ou facilidade para ranquear por determinadas palavras-chave. Lembre-se que os termos devem corresponder ao problema que o seu escritório resolve.  

Ideias para palavras-chave no Semrush

Se você está iniciando sua estratégia de SEO, comece disputando as palavras-chave mais fáceis, ganhando autoridade no Google. 

Aos poucos, você pode “brigar” com os termos de pesquisas mais difíceis, mas que podem gerar centenas de acessos ao seu site. Ao produzir artigos jurídicos e blog posts, não se esqueça de usar a palavra-chave no título principal, ao longo do texto e também em intertítulos e meta-descrições.

Produza conteúdos ricos e escaneáveis

Ao produzir conteúdo para o seu site, valorize a autenticidade, originalidade e relevância para o público-alvo. Uma dica que cabe para advogados é evitar termos excessivamente técnicos que não fazem sentido para o usuário. 

O seu conteúdo deve resolver um problema do leitor e agregar valor prático. Além do conteúdo, se atente para a organização do texto. Para melhores resultados em SEO, evite parágrafos muito longos e divida o artigo em subtópicos.

Isso torna a visualização mais fácil e deixa a leitura mais fluida. Isso, por sua vez, interfere nos índices de retenção no site e reduz taxas de rejeição. Em suma:

  • Priorize parágrafos com 2 ou 3 linhas;
  • Insira intertítulos e bullet points;
  • Destaque trechos importantes.

Insira links de qualidade no seu conteúdo

Outra estratégia importante de SEO é a construção de links de qualidade no seu site. Sempre que você insere links ao longo do texto, sejam eles internos ou externos, você aumenta a relevância e a autoridade do seu site junto aos motores de busca.

O contrário também é verdadeiro. De modo que, estabelecer parcerias com outros sites confiáveis ou ter o link para as suas páginas em outros domínios pode ser determinante para que o seu conteúdo apareça na primeira página do Google.

Invista em SEO Off Page

Até o momento, abordamos estratégias de SEO On Page, ou seja, aquelas aplicadas ao site com o objetivo de alcançar um bom posicionamento nos mecanismos de busca.

No entanto, investir em SEO Off Page, ou seja, fora da página, também é uma ótima prática. A ideia, aqui, é gerar backlinks ou links externos que fazem uma conexão com o seu site.

Nesse sentido, as redes sociais também podem fazer parte das suas estratégias. Ao integrar o blog às redes sociais ou incluir botões clicáveis em suas publicações, você pode direcionar tráfego para a sua página e incentivar o compartilhamento.

Elabore URLs amigáveis

Outra dica importante de SEO para advogados é tornar o endereço eletrônico mais acessível. É importante que a URL seja compreendida pelos motores de busca, mas também pelo usuário.

Domínios aleatórios, cheios de letras desconexas e confusas podem interferir na experiência do usuário. Sendo assim, priorize a palavra-chave em seu URL, seja conciso e objetivo. Considere sempre o assunto geral e o foco da página.

Ética e Conformidade Legal em SEO para advogados

O Código de Ética e Disciplina estabelece, em seu artigo 28 que:

“Art. 28. O advogado pode anunciar os seus serviços profissionais, individual ou coletivamente, com discrição e moderação, para finalidade exclusivamente informativa […]”

Mais recentemente, o Provimento 205/2021, do Conselho Federal da OAB trouxe maiores esclarecimentos para os limites éticos no marketing jurídico. No documento, ficou estabelecido que:

“Art. 1º É permitido o marketing jurídico, desde que exercido de forma compatível com os preceitos éticos e respeitadas as limitações impostas pelo Estatuto da Advocacia, Regulamento Geral, Código de Ética e Disciplina e por este Provimento.

Art. 4º No marketing de conteúdos jurídicos poderá ser utilizada a publicidade ativa ou passiva, desde que não esteja incutida a mercantilização, a captação de clientela ou o emprego excessivo de recursos financeiros […]”

Para garantir a conformidade com as normas éticas, é importante manter-se atento às disposições da Ordem dos Advogados do Brasil e, também, ao que tem observado o Comitê Regulador do Marketing Jurídico, órgão consultivo criado pelo Provimento 205 com poderes para propor atualização, alteração ou inclusão de novos critérios ao documento. 

Algumas observações gerais, no entanto, devem nortear as estratégias de marketing jurídico. Entre elas, a garantia da sobriedade e discrição. Nenhum termo ou conteúdo deve ser apelativo, nem exaltar profissionais ou serviços, sob pena de captação de clientela ou mercantilização da profissão. Além disso, é vedado:

  • divulgar informações que possam induzir ao erro ou ao litígio o leitor;
  • fazer referência a valores de honorários, formas de pagamento e assim por diante, mesmo que indiretamente;
  • publicar expressões de engrandecimento ou comparação;
  • garantir resultados ou realizar promessas sob qualquer aspecto do Direito.

Checklist para planejar a sua estratégia de SEO

Aqui está um passo a passo que você pode seguir para dar os primeiros passos e começar a implementar o SEO para área jurídica:

1. Pesquisa de Palavras-chave

Com as ferramentas que apontamos ao longo deste conteúdo, comece identificando as palavras-chaves relevantes para o seu negócio;

2. Otimização On-Page

Em seguida, otimize as suas páginas, considerando as dicas para meta-descrição, título, URL e conteúdo. Aproveite para inserir imagens compatíveis com tags apropriadas;

3. Otimização de conteúdo

Se dedique na produção de artigos, páginas, e-books e outros materiais ricos e de alta qualidade. Lembre-se de adaptar o tom de voz para o seu público-alvo, tendo sempre em mente as características e as dores comuns da sua persona. 

4. Otimização de links 

Em quarto lugar, crie links entre páginas do seu próprio site. Além disso, obtenha backlinks capazes de gerar autoridade nos motores de busca.

5. Monitore o desempenho

Continuamente, a partir da aplicação de melhorias em seu site, não deixe de acompanhar o desempenho. Você pode aproveitar os dados coletados em ferramentas como Google Analytics e Google Search Console para monitorar o tráfego e o comportamento do usuário.

Seguindo as dicas destacadas ao longo deste conteúdo, você poderá fazer melhorias básicas que auxiliam no posicionamento do seu site. Isso, por sua vez, facilitará a localização dos seus serviços em motores de busca e trará resultados para o marketing no setor jurídico. Para profissionais iniciantes no ambiente digital, pequenas melhorias em SEO para advogados podem fazer toda a diferença em novos contratos fechados ao final do mês.

Na Writer Access, contamos com profissionais competentes e com experiência em otimização de sites para o setor jurídico. Descubra como podemos te ajudar na criação de conteúdos otimizados para SEO.



Source link

Não há Tags

117 visualizações, 1 hoje

  

117 visualizações, 1 hoje